Funil de Vendas: Tudo o que você precisa saber

O Funil de Vendas é o processo pelo qual o cliente percorre desde a sua transformação em lead até o fechamento da venda. Esse funil é representado por uma pirâmide invertida dividida em fases.

Tanto a equipe de marketing, quanto a comercial deve estar envolvida para conduzir o lead da parte de cima para baixo, evitando perder as oportunidades em cada estágio.

Independente do segmento de atuação e do porte, toda empresa tem um funil de vendas. A diferença é para muitos negócios, o estágio inicial é mais desafiador para definir os estágios de conversão. Para reduzir esse desafio, é importante ter uma base qualificada de dados para organizar o funil de conversão.

 

A estrutura do funil de vendas

Um funil de vendas bem estruturado é capaz de atrair os leads para sua empresa e auxilia a estabelecer preços para seu produto e serviço. Um modelo padrão de um funil de vendas é:

Leads             MQL               SAL                SQL                Venda

Leads – todo e qualquer potencial consumidor que interage com sua empresa de alguma forma e deixa dados para um futuro contato;

MQL – leads pré-qualificados (Marketing Qualified Leads). É uma etapa de pré-venda, pois coleta mais dados para verificar se o lead tem potencial de compra.

SAL – Se o lead apresentar uma chance real de negócio, ele é entregue a equipe de vendas (Sales Accepted Leads).

SQL – Se o lead tem uma oportunidade clara de conversão, ele se transforma num Sales Qualified Leads.

Fechamento de venda – a etapa final do funil de vendas. É o momento de concluir a venda.

 

Por que sua empresa deve utilizar um funil de vendas?

É importante definir um funil de vendas e conversão de acordo como objetivos do seu negócio. Isso vai ajudar a encontrar os clientes certos e otimizar as rotinas de trabalho.

O funil de conversão torna mais claro os processos como prospecção, captação, educação e maturação do lead, conversão e fidelização.

As principais vantagens do funil de vendas são:

  • Redução de desperdício de oportunidades de vendas;
  • Aumento da otimização do processo de vendas;
  • Melhora na produtividade e eficiência da equipa comercial;
  • Tomada de decisão mais assertiva;
  • Visualização de todas as fases e possibilidade de ajustá-las;
  • Melhora no alinhamento dos processos;
  • Identificação do melhor momento para abordar o cliente.

 

Erros a evitar para definir o funil de vendas

Um dos principais erros no funil de vendas é ter muitos etapas que podem comprometer a experiência do cliente, fazendo-o desistir da jornada.

Um bom funil de conversão deve ter três etapas:

Topo de funil – Focado em atrair e gerar leads.

Meio do funil – Focado na segmentação e qualificação de leads;

Fundo do funil – Focado na tração e conversão dos leads.

 

Todas as etapas precisam estar consolidadas. De nada adianta, focar apenas na última etapa. Por isso, é importante unificar os setores de marketing, pré-vendas e vendas.

Isso vai influenciar diretamente na jornada de compra dos clientes.

O sistema Atende Smart Pipeline é uma ferramenta que vai descomplicar o processo de vendas da sua empresa, desde o primeiro contato com o cliente até o fechamento das vendas.

Ficou interessado em saber mais sobre esse sistema? Clique aqui e fale conosco.

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on linkedin
LinkedIn

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

SIGA NAS REDES SOCIAIS

MAIS POPULARES

mais do blog

artigos relacionados

Fale agora com nossa equipe!

Preencha seus dados para registarmos o contato: